Emuca

Patas para mesa: 7 conselhos para escolher as melhores

Já lhe aconteceu andar à procura de patas para mesa e não encontrar os modelos perfeitos? Está perto de completar o desenho da sua sala ou cozinha… mas nenhum modelo acaba por o deixar inteiramente convencido.

Não se preocupe, montar a sua própria mesa é a opção escolhida por cada vez mais pessoas. Basta escolher um tampo à medida e umas patas a condizer5 para conseguir uma mesa que vá de encontro às suas preferências, de forma simples e económica.

No entanto, poderão sempre surgir dúvidas durante este processo, como por exemplo, a respeito de que patas serão as mais convenientes, dependendo da altura, do material e do desenho. Para o ajudar a tomar uma decisão acertada, a Emuca traz-lhe 7 conselhos para escolher patas para mesas. Vamos lá!

7 conselhos para escolher patas para mesas

Hoje em dia, existe uma grande variedade de opções na hora de escolher patas para mesa. Dito isto, quer planeie montar uma mesa de raiz ou dar uma nova vida a alguma que já tenha em casa, está no blog certo.

É importante ter presente que estes elementos, para além da tarefa de suportar a mesa, fazem parte da decoração da casa, motivo pelo qual é determinante fazer a escolha certa. Deixamos-lhe, então, 7 conselhos a ter em conta no sentido de escolher as melhores patas para mesa.

Tenha atenção à forma

Tratando-se de um elemento decorativo, não surpreende que se tenham começado a produzir patas para mesa nas mais variadas formas e modelos, no sentido de proporcionar um estilo único e diferenciado a cada habitação. Entre os tipos de patas mais populares, temos:

  • Retangulares: outorgam um estilo moderno e elegante, mas não são aconselhadas em casas com crianças pequenas, devido às suas arestas.
  • Cilíndricas: por não possuírem bordas salientes, são seguras de usar em casas com crianças.
  • Bolas: especialmente adequadas para mesas de cabeceira e outras mesas baixas.
  • Torneadas, trabalhadas ou curvadas: perfeitas quando a prioridade é a estética da mesa.

Qual é o tamanho e altura ideais?

Ao escolher patas para mesas, é necessário determinar qual vai ser a sua altura. E isto não é tudo, uma vez que a altura da mesa deverá ser conforme com o seu peso e função. Uma vantagem de alguns modelos consiste em permitirem ajustar a altura, de modo a melhor se adaptarem aos seus gostos e necessidades.

Por exemplo, se não está a conseguir encontrar a mesa de cabeceira ideal para o quarto dos seus filhos pequenos, poderá sempre optar por patas de menor altura e, na devida altura, mudá-las para que a mesa cresça com os seus filhos.

Do mesmo modo, se procura escolher patas para uma mesa de suporte, a altura ideal será de 87 cm, sendo possível optar por modelos reguláveis que vão dos 70 aos 110 centímetros.

Materiais de acordo com a função

Este fator irá variar segundo o tipo de desenho e a capacidade de carga pretendida para a mesa. Os materiais mais comuns são:

  • Madeira: dependendo do estilo da madeira, esta poderá dar um toque de elegância ou um aspeto mais rústico.
  • Alumínio: ideal se procura algo de design contemporâneo e muito resistente à oxidação.
  • Aço com epóxi: é robusto, existe em várias cores diferentes e o preço é competitivo. Tenha em conta que tende a oxidar quando riscado.
  • Aço niquelado: mais resistente que o anterior e fácil de manter.
  • Aço inox: o material mais recomendado para mesas de exterior.

Qual é altura ideal para uma mesa de jantar?

Se o espaço onde a mesa vai ser colocada for uma sala de jantar ampla, serão mais recomendadas patas com uma altura entre 70 e 71 cm.

Quanto á espessura, 60 mm será uma boa medida, para transmitir firmeza.

Para combinar com os azulejos e a decoração

As patas de acabamento cromado e em cinzento nunca falham, dado que combinam com diferentes tipos de pavimento, mobiliário, eletrodomésticos e decoração.

Patas com rodas

Existem vários modelos de patas com rodas, adequados a diferentes utilizações. Entre elas, encontramos:

  • Monodirecionais
  • Multidirecionais
  • Com sistema de imobilização

É melhor contar com quatro patas ou com um pé central?

De novo, isto depende do uso que se vai dar à mesa.

Não obstante, para uma mesa de refeições de forma redonda, costuma ser melhor e mais cómodo optar por um pé central, em vez de quatro patas.

Conclusão

Esperamos que, com estes nossos conselhos, escolher patas para mesa se tenha tornado muito menos complicado. E poderá sempre aproveitar para dar um toque extra de originalidade ao local onde vão ficar.

Tenha em conta que estes princípios não se aplicam exclusivamente à construção de mesas novas: poderá fazer uso deles também na hora de dar uma nova aparência a qualquer mesa que já tenha em casa. Na Emuca, temos isto muito presente, por isso lhe oferecemos diferentes estilos e modelos de patas para mesa, para que possa escolher aqueles que realmente vão de encontro ao que procura.

Você gostou? Compartilhe

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on pinterest
Pinterest
Share on linkedin
LinkedIn

Postagem Relacionada

Inscrever-se para receber notificações
Você se inscreveu para receber as notificações
Você bloqueou notificações
Clique para subscrever notificações
Obrigado por se inscrever!
Você se inscreveu para receber as notificações
Você não receberá notificações novamente
Gerenciar notificações de sites
ASSINAR
NÃO ASSINAR
Desbloquear notificações
Siga estas instruções para permitir notificações: